Conselho Regional de Química - 12ª Região

 

     O CRQ-XII, no período de 01/07/2018 a 05/10/2018, esteve em 54 municípios fiscalizando um total de 214 empresas e 1.041 profissionais, dentre as regiões fiscalizadas estão:

  • Estado do Tocantins: Gurupi, Paraíso do Tocantins, Palmas, Pedro Afonso, Araguaína, Wanderlândia, Araguatins e Tocantinópolis;
  • Entorno do Distrito Federal: Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Luziânia, Valparaíso, Cristalina, Alexânia e Santo Antônio do Descoberto;
  • Estado de Goiás:

Região Sudeste: Catalão, Ouvidor e Três Ranchos;

Região Sul: Goiatuba, Morrinhos, Caldas Novas, Bom Jesus de Goiás, Cachoeira Dourada, Corumbaíba, Caçu, São Simão e Itumbiara;

Região Sudoeste: Acreúna, Indiara, Santa Helena de Goiás, Rio Verde, Jataí, Serranópolis, Perolândia e Mineiros;

Região Noroeste: Inhumas, Brazabrantes, Itaberaí, Itapuranga, Cidade de Goiás e Araçu;

Região Oeste: Palmeiras de Goiás, Anicuns e Iporá;

Região Metropolitana de Goiânia: Goiânia, Aparecida de Goiânia, Senador Canedo, Nerópolis, Hidrolândia, Trindade, Abadia de Goiás, Guapó e Goianira.

     Nesse período foram fiscalizadas empresas de pequeno, médio e grande porte que empregam inúmeros profissionais nos setores de controle de qualidade e processos industriais.  Em destaque estão os segmentos industriais e de prestação de serviços: mineração, fertilizantes, produção de açúcar e álcool, asfalto, fábrica de tintas, fabrica de espumas, saneantes, indústrias de alimentos (bebidas alcoólicas, água mineral, refrigerantes,  frigoríficos, laticínios, condimentos, molhos), cosméticos, dedetização, tratamento de água de piscinas (clubes) e estações de tratamento de água e efluente (ETA e ETE). 

     A fiscalização trabalha com o intento de garantir a qualidade dos produtos e serviços oferecidos à sociedade e de defender os interesses da Classe dos Químicos, profissionais legalmente habilitados, conforme determina a lei no 2.800/56 do Conselho Federal de Química.